Lista de Categorias do

Google Meu Negócio

O que são categorias do Google Meu Negócio?

Quando você configura um novo negócio no Google Meu Negócio, a ferramenta pede que você faça a escolha de uma categoria para sua empresa. 

 

Quando você define sua categoria ajuda sua empresa a aparecer em pesquisas relevantes no Google Meu Negócio e no Google Maps, o que pode dar um grande impulso aos seus negócios.

A categoria é um definidor para a pesquisa local dentro do universo Google, mas também mas também tem a "função" de "destravar" ou "bloquear" ferramentas específicas para seu uso dentro do Meu Negócio. Por exemplo, ao escolher a categoria hotel será desbloqueado para sua ficha de empresa ferramentas que permitirão seu negócio receber reservas de hóspedes direto na pesquisa Google e no Google Maps. É assim para todas as demais categorias, cada uma com suas peculiaridades.

  • Existe mais de  3.000 mil categorias no Google Meu Negócio;

  • O Google permite que você selecione até  10 categorias para sua empresa, mas aconselha que você utilize apenas uma;

  • Você só pode selecionar  uma categoria principal, que é dada maior importância no algoritmo do Google

 

Algumas regras básicas para escolher a categoria de sua empresa:

  • ERRO 1 - Adicionar muitas categorias. Adicione o menor número possível de categorias para descrever seu negócio principal. Quanto mais categorias você tiver, mais fraco será a apresentação de sua empresa na busca individual. Sabe aquele ditado, quem faz de tudo acaba não fazendo nada direito? Grosseiramente falando é mais ou menos isso. Mas ainda assim não entendemos o porque do Google dizer "use o menor número de categorias possíveis" mas permite a inserção de até dez por negócio

  • ERRO 2 - Usar categoria para descrever seus serviços. Descreva sua empresa, não seus serviços ou comodidades  - se você estiver adicionando um novo restaurante ao Google My Business e esse restaurante tiver um bar, não adicione "Bar" como uma categoria, pois isso não descreve sua empresa, mas descreve suas comodidades. O Google vê isso como dispersão e derruba o ranking de sua empresa nos resultados de uma busca. Bar deve ser adicionado nas comodidades do local. E assim por diante...

O assunto Categoria me desperta lembranças, pois mesmo que o Google viesse a fazer isso em algum momento, a origem da padronização das categorias das ferramentas da empresa começou no Brasil.

 

No ano de 2016 juntamente com a Professora Engenheira Cartógrafa Arlete Meneguette participei de um projeto piloto que tinha como meta padronizar as categorias e a tradução das categorias do inglês para o português do Google Map Maker. O projeto foi chamado de GeoOntology Translation.

 

O projeto envolveu outros departamentos do Google, inclusive a seção de tradução local do Google Brasil.

 

A empresa "descobriu"  com esse projeto que não havia sinergia, padronização e igualdade nas categorias, a tradução era um caos. Havia negócios e locais com categorias demais, outros sem nenhuma categoria e categorias repetidas. Havia categoria traduzida para o português com um significado, mas com significado diferente no original em inglês. Pode imaginar a confusão e o problema disso na busca local e ranqueamento de resultados? Além disso cada produto tinha sua própria listagem de categorias. Google Map Maker uma, Google Mapas outra e uma terceira do Google Meu Negócio.  O resultado desse projeto que começou no Brasil todos já sabem, hoje o Google tem uma única lista de categorias de empresas para todos os seus produtos.

 

Numa conferência em novembro de 2019 com um Engenheiro do Google Mapas, amigo de velha datas que tive o prazer de conhecer e visitar numa unidade da empresa na Suíça, questionei o porque de não existir uma lista de categorias nas Centrais de Ajuda do Google. A resposta dele - que faz todo o sentido - foi algo mais ou menos assim:

Se você tem um restaurante, quando for adicionar a categoria de sua empresa você vai adicionar "restaurante". O Google vai apresentar a categoria ampla "restaurante" e outras categorias mais específicas como "restaurante chines", etc. Se o seu negócio é um "restaurante" por que você precisa de uma lista com mais de 3 mil categorias para escolher a categoria do seu restaurante que será um restaurante?

Além da lógica entra também a operacionalização disso. O Google teria que criar páginas nas centrais de ajuda, atualizar sempre, efetuar traduções e etc, e tudo isso tem um custo. E qual seria o ganho para usuário com isso? Nenhum, pois se você tem um restaurante sua categoria vai ser um restaurante.

Mas se ainda assim a título de curiosidade você quer conhecer as mais de três mil categorias do Google Meu Negócio, segue abaixo uma relação. Esta lista foi obtida em novembro de 2019. A seu critério e sem aviso prévio o Google adiciona e remove categorias.

Mais importante: observe que a lista original está em inglês, que é a língua padrão das categorias. A tradução para o português foi automática, só para fins indicativos e não vai corresponder a tradução efetuado pelo Google em suas ferramentas. Por exemplo, a categoria original em inglês é Zoo e no Google Meu Negócio muito corretamente está Zoológico, mas aqui na tradução automática desta relação virou Jardim Zoológico. Então já sabe, não considere a tradução em português.

Você pode pesquisar pelas categorias rolando a tabela ou inserindo um termo no campo Buscar.